Quercus pede fim da venda de lâmpadas incandescentes em 2011_02

Amanhã, 28 de Fevereiro, pelas 8.30h da manhã, a Quercus irá transportar um mega-postal de correio verde com QUATRO metros quadrados do Largo de Camões em Lisboa até ao Ministério da Economia e Inovação na Rua da Horta Seca.

 

No postal segue um pedido ao Ministro da Economia para que, à semelhança do que já foi decidido noutros países, sejam banidas as lâmpadas incandescentes, por serem muito pouco eficientes face a alternativas existentes, melhores do ponto de vista energético / ambiental, como sejam as lâmpadas economizadoras.

 

Principais explicações que a Quercus vai dar:

- porque é que a medida proposta é melhor que a taxa sobre as lâmpadas incandescentes que começa a ser aplicada no próximo sábado, dia 1/Março;

 

- porque é melhor amanhã trocar uma lâmpada incandescente por uma lâmpada economizadora do que aderir ao “apagão” previsto entre as 19.55h e as 20h de sexta-feira, dia 29 de Fevereiro;

 

- quanto se poupa em electricidade por cada lâmpada incandescente substituída por uma economizadora;

- quanto vai Portugal reduzir nas emissões de dióxido de carbono se a medida for tomada;

- como escolher lâmpadas economizadoras;

- que informação deve ser dada ao consumidor para cuidar das lâmpadas economizadoras (quando se partem; como reciclar; salvaguarda da saúde).

 

 

Lisboa, 27 de Fevereiro de 2008

 

A Direcção Nacional da Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza

 

 

 

Share

Quercus TV

       

 

Espreite também a Quercus TV.

 

 

Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb