Destruição de sobreiros impune

Em causa plantação ilegal de eucaliptos em Mafra

 


A Quercus vem alertar para uma situação grave, que decorre em Mafra, de mobilização de um terreno para plantação de eucaliptos sem autorização do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), na sequência do abate ilegal de cerca de uma centena e meia de sobreiros.

 

Na sequência de denúncia efetuada ao SEPNA da GNR, em Agosto passado, e após fiscalização junto à localidade de Carapiteira, Freguesia do Gradil, concelho de Mafra, foi confirmado o abate ilegal de 148 sobreiros adultos e jovens, numa área pouco superior a 2 hectares.

 

 

  

       Mobilização       Escavação4 2016

 

 

Recentemente foram destroçados cepos de eucaliptos e  dos sobreiros abatidos no Verão passado, destruindo os vestígios, estando agora uma escavadora giratória a mobilizar as terras, preparando o terreno para a plantação de eucaliptos, a qual não tem qualquer autorização do ICNF.

 

Ao abate de sobreiros, espécie protegida e símbolo nacional, não pode suceder uma plantação ilegal de eucaliptos.

 

A Quercus exige que as autoridades competentes atuem em conformidade com a gravidade da situação, nomeadamente o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, através do ICNF, para impedir a plantação ilegal de eucaliptos e repor a legalidade, de acordo com a regulamentação de proteção do sobreiro.


                                   

Lisboa, 14 de Junho de 2016

 

 

A Direção Nacional da Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza

Share
Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb