Edifícios: Uma nova era?

Iniciou-se este mês a segunda fase de implementação do Sistema de Certificação Energética dos Edifícios que agora abrange todos os edifícios novos.

 

Hélder Spínola*

 

Apesar dos constrangimentos ainda existentes para a sua aplicação, como o número insuficiente de peritos habilitados a emitir os certificados energéticos dos edifícios, este é um instrumento com potencialidades para inaugurar uma nova era na edificação em Portugal. Habituados que estamos a constatar no parque edificado português um exemplo de má qualidade e de ineficiência energética, qualquer melhoria alcançada através deste sistema de certificação energética irá evidenciar-se mesmo aos olhos dos menos atentos. No entanto, deixar que este sistema de certificação seja apenas a solução para passar do medíocre para o sofrível será consentir que, mais uma vez, Portugal continue atrás de todos os outros países europeus.

 

O Sistema de Certificação Energética que agora começa a ser aplicado a TODOS os novos edifícios tem de ser visto como o início de uma nova era em que só são aceites, face à realidade ambiental e económica actual, construções que explorem até ao possível a eficiência energética e as energias renováveis. Para que este sistema de certificação atinja o nível desejado, necessário e urgente não basta simplesmente deixá-lo funcionar, é fundamental que quem irá comprar casa esteja informado e seja exigente no que diz respeito à qualidade e eficiência energética da sua nova habitação. Só assim é possível acreditar que este sistema de certificação não será apenas mais um passo no sentido certo mas antes uma mudança completa de patamar face ao que tem sido prática nas últimas décadas.

 

 

*Presidente da Direcção Nacional da Quercus

 

 

 

Share

 

Quercus TV

 

 

                            

 

Mais vídeos aqui.

 

 

Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb