Abate Ilegal de Sobreiros na Azambuja | Obra da Autarquia em Causa

A Quercus foi alertada recentemente por um cidadão para o abate ilegal de sobreiros existentes na zona da obra do novo campo de futebol da Azambuja, junto da EM 513 antes de Vale Paraíso, segundo o qual se encontravam a queimar os vestígios dos sobreiros.

 

Após deslocação ao local verificámos a execução de uma obra pela Tecnovia, onde se constatou o abate de sobreiros e corte de raízes num talude para a “Construção do Campo de Futebol em Piso Sintético e Edifício de Apoio”, que, segundo uma placa no local, tem como entidade responsável, a Câmara Municipal da Azambuja. 

 

Segundo informação obtida, o abate dos sobreiros não foi autorizado pelos serviços da Circunscrição Florestal do Sul, razão pela qual foi alertado prontamente o Serviço de Protecção da Natureza e Ambiente da GNR para levantamento dos respectivos autos de contra-ordenação. 

 

A Quercus exige esclarecimento desta situação pela Câmara Municipal da Azambuja, lamentando que continuem a ocorrer algumas obras promovidas por entidades públicas, sem que as mesmas tenham as devidas autorizações para poderem ser executadas dentro do cumprimento da legislação que regulamenta as espécies protegidas. 

 

 

Lisboa, 20 de Dezembro de 2007

 

 

 

Share

Quercus TV

       

 

Espreite também a Quercus TV.

 

 

Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb